26 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

Grupo BMW abre canal de vendas para o produtor rural

Descontos de 5% a 13% e condição especial de financiamento são destaques

O Grupo BMW conta com um novo canal de vendas diretas voltado ao atendimento de clientes do agronegócio. Segundo a fabricante, o chamado BMW Produtor Rural oferece diferentes benefícios para clientes pessoa física ou jurídica interessados em comprar automóveis BMW e Mini.

Além dos descontos pelo faturamento direto da fábrica, que podem variar de 5% a 13%, dependendo do modelo, as principais vantagens do novo programa de vendas diretas são o prazo de entrega diferenciado, condições exclusivas de financiamento e canal um premium de atendimento.

Entre os veículos com benefícios abrangidos pelo BMW Produtor Rural há o novo X5, que será produzido na fábrica do grupo em Araquari (SC). O utilitário esportivo conta com planos de financiamento do banco da própria montadora como taxa de juros de 0% para parcelamentos em até 24 meses e entrada de 60% do valor do veículo.

O grupo tem outros canais para vendas diretas, como o BMW Preference, para portadores de deficiência. Eles contam com isenção de imposto na compra direta de veículos e também podem adquirir carros zero-quilômetro BMW ou Mini com condições diferenciadas. Além da isenção de imposto e descontos especiais, o grupo oferece incentivos comerciais, também com taxa zero para entrada de 60% e saldo restante em 24 meses.

A modalidade BMW Vendas Corporativas é o caminho para empresas interessadas em modelos BMW e Mini. Os clientes Pessoa Jurídica financiam os veículos com taxa subsidiada pelo banco da montadora. Além disso, a rede de concessionárias oferece test drive diferenciado nesses casos.

O Grupo BMW também tem seu canal de vendas diplomáticas, com condições especiais e benefícios fiscais. O programa prevê atendimento personalizado e equipe dedicada. Pedido e entrega de veículos em todo o mundo e garantia de dois anos, independentemente da quilometragem do veículo, fazem parte do conjunto de benefícios.

A BMW conta ainda em Brasília (DF) com um Diplomatic Sales Competence Center (DSCC) com cobertura nacional e capaz de atender o cliente diplomático de veículos importados BMW.

25 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

Volvo Bus entrega primeiro lote de novos ônibus no Transmilênio de Bogotá

BRT recebe 336 das 700 unidades vendidas; volume total representou negócio de US$ 210 milhões

Após quase 20 anos desde que iniciou suas operações, em dezembro de 2000, o sistema de BRT Transmilênio em Bogotá, na Colômbia, um dos mais expressivos projetos de corredores exclusivos para ônibus urbanos da América Latina, tira do papel sua primeira grande renovação de frota: os primeiros lotes de novos ônibus foram entregues pela Volvo Bus e começaram a rodar nesta semana. De um total de 700 veículos vendidos em novembro de 2018, a montadora concluiu a entrega 336 unidades, dos quais 202 articulados e 134 biarticulados, todos com chassis produzidos na fábrica do Grupo Volvo em Curitiba (PR) e encarroçados pela Superpolo, subsidiária da brasileira Marcopolo na Colômbia.

O volume total que a marca entregará ao sistema da capital colombiana já é o maior negócio da Volvo Bus efetuado nos últimos dez anos para um sistema de BRT na América Latina.

“Esta venda representou um total de US$ 210 milhões, considerando os chassis e suas carrocerias”, afirma o presidente da Volvo Bus para a região, Fabiano Todeschini, durante evento de apresentação dos novos veículos na terça-feira, 25, em Bogotá.

Os demais 364 ônibus restantes da Volvo Bus também serão produzidos em lotes e as entregas prosseguem até 2020: serão mais 96 articulados e 268 biarticulados, perfazendo um total de 298 articulados e 402 biarticulados. No total, a licitação atual de renovação de frota da Transmilênio prevê um total de 1.441 ônibus. A Scania é a responsável pela entrega das outras 741 unidades.

No caso da Volvo Bus, os modelos foram vendidos para duas das quatro operadoras que atuam no Transmilênio atualmente: a Fanalca Transdev, uma empresa de aliança colombiana francesa que atua há 19 anos e que pela licitação opera o Pátio Tunal, o maior entre os seis previstos no sistema de Bogotá. Também é o maior operador, com 440 ônibus novos e um total de 648 rodando pelos corredores.

A outra operadora é um cliente novo para a Volvo Bus, pelo menos em Bogotá: a Somos, Grupo de Sistemas Operativos Móveis, com quem a montadora já fez negócios em Lima, no Peru. Na capital colombiana, a Somos opera no Pátio Usme, que abrigará 260 ônibus da marca. Todos os veículos foram financiados por bancos comerciais locais sem subsídio do governo (na Colômbia é proibido subsidiar o transporte público desde 1979: os sistemas têm que se estruturar de forma autossustentável).

A renovação de frota do sistema Transmilênio está atrasada há sete anos: a primeira licitação para modernização era esperada para 2012, mas foi sendo adiada mais por questões políticas do que financeiras. A licitação atual está na primeira fase e contempla a renovação das linhas do BRT, também conhecidas como linhas troncais – os corredores exclusivos que cruzam toda a capital colombiana e utilizam os ônibus com capacidades que variam de 80 a 300 passageiros por veículo. O sistema possui um total de 224,4 km de extensão e transporta cerca de 2,5 milhões de pessoas por dia.

Graças a esta nova licitação, a Colômbia vem puxando o bom momento do mercado de ônibus na América Latina, que vem apresentando bons índices de renovação nos anos mais recentes. Segundo Todeschini, além de Bogotá, outras cidades como Santiago, no Chile, e que também estava com a licitação atrasada, já prevê uma nova leva de veículos pelo menos para os próximos dois anos.

Outra grande aposta do mercado na região é São Paulo, o maior mercado de ônibus urbanos no Brasil e cuja licitação está atrasada há mais de uma década. A expetativa é de que a nova licitação seja aprovada ainda este ano.

“A diferença é que em São Paulo as renovações não são feitas em grande escala, como Bogotá ou Santiago. Não há grandes vendas no mesmo ano, elas se estendem ao longo de toda a licitação”, explica Todeschini, que cita outros mercados potenciais na região, como República Dominicana, Guatemala, Equador e Honduras. “Muitas cidades vem optando pela solução do BRT porque é mais viável em termos econômicos e de implementação razoavelmente mais rápida do que veículos sobre trilhos”, completa.

A empresa comemora o sucesso dos BRTs na região, onde contabiliza participação de 50% no mercado. “Começamos com o BRT de Curitiba, depois viemos para Bogotá, na Transmilênio, que se tornou referência deste sistema na região. De cada dez operadores de BRT na América Latina, sete escolhem nossos veículos e hoje são mais de 5 mil articulados e biarticulados rodando em BRTs de toda a América Latina”, reforça o gerente comercial da Volvo Bus na Colômbia, Mario Esteban Correa.

O negócio em Bogotá ainda deve crescer: uma segunda fase da nova licitação prevista para setembro próximo deve contemplar a renovação da frota do sistema alimentador: tem esse nome porque elas transportam as pessoas de bairros mais distantes para as linhas troncais, alimentando o sistema BRT. Atualmente essas linhas alimentadoras são formadas por ônibus menores do tipo 4x2 (micros ou micrões), cerca de 3 mil unidades, e são operados por empresas do tipo cooperativas. Elas

são responsáveis pelo transporte de mais de 1,6 milhão de pessoas por dia na cidade e basta uma breve observação nas ruas de Bogotá para perceber que se trata de uma frota antiga e sucateada.

Para as linhas alimentadoras, a nova licitação deverá valer a partir de 2020 e até 2021 prevê a compra de mais de 3 mil ônibus.

“Acredito que o desafio do financiamento de veículos para as linhas alimentadoras será mais complexo do que foi para o Transmilênio, porque no sistema troncal operam clientes com condições financeiras muito boas”, alerta Todeschini.

26 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

Nissan amplia programa de certificação de seminovos

Intelligent Choice oferece taxas de financiamento exclusivas, garantia e assistência 24 horas

O programa Nissan Intelligent Choice para certificação de seminovos da marca está presente agora em 28 concessionárias de dez Estados diferentes. Com ele, o comprador de um Nissan usado obtém garantia de um ano, certificação de procedência e taxas de financiamento exclusivas.

O cliente conta ainda com a garantia de utilização somente de peças originais e assistência 24 horas sete dias por semana em todo território nacional, incluindo o serviço de guincho.

Para fazer parte do programa, o carro usado passa por um processo de certificação rigoroso, no qual os técnicos inspecionam 123 itens. Só podem participar veículos com no máximo cinco anos de fabricação e menos de 120 mil quilômetros rodados.

Clicando aqui você tem acesso a todas as concessionárias participantes. é possível ver todas as revendas Nissan participantes do programa de certificação de seminovos.

25 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

Metalúrgicos de Sorocaba tentam impedir mais demissões

Depois de cortes na Toyota e em fornecedores, trabalhadores se reuniram no parque tecnológico da cidade

Os metalúrgicos da Toyota de Sorocaba (SP) e de fornecedores instalados ao redor da montadora se reuniram na manhã e tarde da terça-feira, 25, como forma de tentar impedir o avanço do desemprego na cidade em razão do fim do terceiro turno na montadora, que produz ali os modelos Etios e Yaris.

Segundo o SMetal, sindicato dos metalúrgicos da cidade, a Kanjiko teria demitido 60 trabalhadores e a Schaeffler, cerca de 100, em ambos os casos como consequência do fechamento do terceiro turno na Toyota. A possibilidade de greve estaria afastada no momento. A assembleia ocorreu no parque tecnológico da cidade e reuniu funcionários da montadora, da Kanjiko e de outras empresas parceiras como Scorpios, Gestamp, Faurecia, Sanoh e TT Steel.

“O objetivo da assembleia é a defesa do emprego e dos investimentos para a planta (da Toyota) de Sorocaba, que beneficiará toda a cadeia produtiva”, recorda o presidente do SMetal, Leandro Soares.

O sindicato abordou também os impactos em outros fabricantes como ZF e Clarios, antiga Johnson Controls. Esta última, segundo o sindicato, pode protocolar aviso de férias coletivas de 900 funcionários até o dia 28 de junho. A Gestamp já teria protocolado pedido de férias para 200 funcionários na próxima semana, segundo a diretora do SMetal, Priscila Silva, que atua na empresa.

25 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

PSA inicia produção de veículos no Marrocos

Fábrica de Kenitra começa montando novo Peugeot 208 e terá capacidade anual para 200 mil veículos

O Grupo PSA começou a montar veículos em Kenitra, no Marrocos. A nova fábrica terá capacidade para 200 mil carros por ano a partir da metade de 2020, atendendo a 80 mercados. A produção teve início com o novo Peugeot 208, fabricado em conjunto com a unidade de Trnava, na Eslováquia.

O projeto de Kenitra foi lançado há quatro anos, em junho de 2015. “O Marrocos é um mercado estratégico para nosso grupo e para quatro de nossas marcas, Peugeot, Citroën, DS e Opel. Estamos criando uma parceria única na indústria automotiva local com a ajuda de fornecedores e o apoio das autoridades marroquinas”, afirma o vice-presidente executivo do Oriente Médio e África e membro do Conselho Executivo do Grupo PSA, Jean-Christophe Quémard.

De acordo com a PSA, a empresa reúne 62 fornecedores locais. Destes, 27 implantaram nova estrutura para suprir a fábrica de Kenitra. O novo 208 foi criado sobre a nova plataforma CMP, que serve de base a outros modelos do grupo.

25 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

Randon passa a vender implementos para a Costa do Marfim

Fabricante brasileira prevê até 150 unidades ao ano para o novo mercado e possibilidade de exportações CKD

A Randon embarcou para a Costa do Marfim, na África, o primeiro tanque para transporte de diesel. Segundo a fabricante de implementos rodoviários, trata-se de uma transação inicial de US$ 60 mil que abre negociações futuras para até 150 unidades por ano.

Ainda de acordo com a Randon, a estratégia adotada é de iniciar o relacionamento com o parceiro local, a Lassire, instalada em Abidjan (maior cidade do país africano), com volumes menores e com produtos já montados.

No futuro, a operação deve evoluir para a modalidade CKD, ou seja, com o envio dos implementos desmontados para posterior montagem e comercialização locais. A Randon encerrou o primeiro trimestre de 2019 com 600 unidades exportadas.

Os maiores volumes seguem para a América Latina (Chile, Paraguai, Argentina, Uruguai, Bolívia, Cuba e Peru) e para a África (Congo, Moçambique e Gana). Até o fim do ano a Randon espera enviar 2,5 mil equipamentos ao exterior.

25 de junho de 2019

Publicação: automotivebusiness

FCA firma parcerias para oferecer soluções de eletromobilidade

Companhia vai trabalhar em cooperação com Engie e com Enel X na Europa

A FCA firmou duas novas parcerias para ampliar a oferta de soluções de eletromobilidade na Europa. A empresa vai trabalhar em parceria com a Engie e com a Enel X, duas empresas da área de energia. O objetivo é oferecer soluções de recarga para carros elétricos e híbridos, incluindo as versões do Fiat 500 e do Renegade com propulsão alternativa, que devem chegar ao mercado da região ainda neste ano.

A iniciativa é parte do plano estratégico da companhia para os próximos cinco anos e parte da construção de um ecossistema de parceiros para a eletromobilidade. Segundo a fabricante de veículos, o plano é instalar tanto postos públicos de reabastecimento, quanto oferecer equipamentos para a recarga doméstica de energia elétrica. Além disso, as companhias terão um programa piloto de desenvolvimento de serviços e soluções de recarga.

As empresas também planejam trabalhar juntas para criar soluções digitais, como um aplicativo que indique aos consumidores os pontos de recarga mais próximos e permita agendar e pagar o abastecimento. Com as parcerias, a FCA deve instalar 700 pontos de recarga em suas plantas, escritórios e centros de pesquisa na Itália nos próximos anos.

Siga nossas Redes Sociais

Receba nossas Notícias